Como Usar Smartphone Android como Rastreador


Você pode usar seu smartphone para rastrear a localização de uma pessoa

O GPS no smartphone Android é incrível por muitas razões. Você já conhece alguns deles, como a recuperação do seu aparelho quando ele foi perdido ou roubado, ou caminhar por trilhas e é especialmente seguro porque o GPS funciona mesmo quando o dispositivo não está conectado à internet. Para navegar, você só precisa baixar mapas antes de usá-los.

Mas com o GPS, um dispositivo Android também pode ser usado como rastreador. Pode não ser o método mais confiável, e isso vem com algumas limitações não tão insignificantes, mas pode ajudar. Veja como você pode usar seu smartphone para identificar a localização de uma pessoa ou objeto.

Rastreamento com Gerenciador de dispositivos Android

A maioria dos dispositivos Android lançados em 2014 ou posterior possuem um recurso interno chamado Gerenciador de dispositivos Android. Este serviço constantemente envia a localização do seu dispositivo de volta para os servidores do Google para que o Google saiba onde seu dispositivo está. Você pode então usar a interface da web do Google para ver onde seu dispositivo está em um determinado momento. Você precisará de uma conta do Google para usar esse recurso.

Como habilitar o Gerenciador de dispositivos Android

1. Navegue até Configurações do Android.
2. Em Pessoal, toque em Segurança.
3. Em Administração de dispositivos, toque Administradores de dispositivos.
4. Toque no Gerenciador de dispositivos Android.
5. Toque em Ativar.

Para ativar este serviço, você precisará permitir três permissões: a capacidade de apagar todos os dados, a capacidade de alterar sua senha de desbloqueio de tela e a capacidade de bloquear a tela. A coisa boa sobre o Gerenciador de Dispositivos Android é que não é apenas um rastreador – ele permite que você controle o dispositivo a distância usando este recurso.

Como usar o Gerenciador de dispositivos Android

Uma vez habilitado, tudo o que você precisa fazer é iniciar um navegador da Web, navegar no painel de controle do Gerenciador de Dispositivos Android e entrar em sua conta (a mesma associado ao seu dispositivo). Clique no botão Localizar dispositivo para o referido dispositivo e ele mostrará seu último local conhecido. É bastante preciso, mas pode ser desligado em até 20 metros em áreas com pouca visibilidade do GPS.

Rastreamento com aplicativos Android

Se você não gosta do Android Device Manager por qualquer motivo, você sempre pode recorrer a uma das muitas alternativas de terceiros disponíveis na Play Store. Felizmente, esses aplicativos são fáceis de instalar e você realmente não precisa fazer nada além de criar uma conta para usá-los.

– Lookout – Lookout é mais uma solução completa, onde o rastreamento de dispositivos é apenas um dos muitos recursos. Se o seu único interesse for o de rastrear seu aparelho, o aplicativo pode ser muito pesado. Mas se atualmente o seu dispositivo não possui um bom aplicativo antivírus, você também pode usa-á-lo para isso.

– Prey – No uso prático, o Prey é muito semelhante ao Android Device Manager. A grande vantagem é a disponibilidade em várias outras plataformas, incluindo Windows, Mac, Linux e iOS, para que você possa rastrear seu dispositivo de qualquer lugar.

Nada supera um rastreador de GPS dedicado

Não espere que seu smartphone Android se torne um rastreador  top de linha. Existem três desvantagens que você deve estar ciente, e se qualquer uma dessas desvantagens se revelar um problema para você, então você realmente deve considerar usar um rastreador dedicado.

– Vida útil da bateria – Os smartphones são complexos. Há muitos softwares que funcionam em segundo plano em todos os momentos, incluindo sistema e aplicativos de terceiros, e todos eles consomem a bateria. Por esse motivo, um rastreador GPS dedicado pode durar muito mais tempo do que o seu smartphone.

– Qualidade do sinal – Embora os rastreadores de GPS não sejam perfeitos por qualquer distância, seus sinais são muito superiores aos sinais do smartphone. Como tal, não só os rastreadores dedicados são mais precisos, mas eles podem manter o rastreamento mesmo em áreas onde os smartphones normalmente não conseguem atingir.

– Risco e custo – Os rastreadores dedicados são mais fáceis de montar, e mesmo se eles forem perdidos ou danificados eles são muito mais baratos de substituir do que os smartphones. O risco geral é menor.

Usar seu smartphone como rastreador deve ser uma opção de último recurso. Para algo mais sério e confiável, recomendamos que você busque uma empresa que ofereça o serviço.



Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *